A noite desta quarta-feira, 4 de outubro, serviu para discutir ações que possam reduzir o número de acidentes de trânsito em Teutônia

A noite desta quarta-feira, 4 de outubro, serviu para discutir ações que possam reduzir o número de acidentes de trânsito em Teutônia. No Vale do Taquari, a cidade, com pouco mais de 30 mil habitantes, ocupa uma das primeiras posições do ranking de acidentes de trânsito.
O painel "Por um trânsito mais seguro em Teutônia" foi promovido pela Administração Municipal em parceria com a Câmara de Indústria e Comércio, CFC's, Brigada Militar e Bombeiros Voluntários. Para o prefeito Jonatan Brönstrup, o momento foi fundamental para dialogar, trocar experiências e criar estratégias efetivas que possam diminuir o número de acidentes na cidade. "Que Teutônia possa ser referência em segurança no trânsito e motivo de orgulho quando futuramente falarmos que nossa cidade é a com menos acidentes no Vale do Taquari", destacou o prefeito.
O painel teve a participação da capitã da Brigada Militar, Carmine Brescovit, do presidente dos Bombeiros Voluntários, Markyson Marques, do sargento do Batalhão Rodoviário Estadual de Teutônia, Mário Eckhardt, da diretora de ensino do CFC Schneider, Magali Schneider, da instrutora do CFC Reichert, Lirian Lagemann, do diretor do Departamento de Trânsito de Teutônia, Carlos da Silva, e do estudante de Engenharia Civil, Bruno Tiggemann. Na plateia, empresários teutonienses, estudantes e comunidade em geral.
A capitã da Brigada Militar em Teutônia, Carmine Brescovit, lembrou que a principal causa de acidentes no município é a conduta imprudente do motorista. "Não parar em cruzamentos, passar o sinal amarelo. Segundos ganhos que podem resultar em horas perdidas na delegacia ou no hospital", destacou a capitã.
O presidente dos Bombeiros Voluntários de Teutônia, Markyson Marques, ressaltou que entre as 45 corporações voluntárias no estado, a equipe teutoniense é a que mais atende acidentes de trânsito no Rio Grande do Sul. "Nós somos preparados para atender a ocorrências de incêndio, resgate ou afogamento, mas essa situação muda em Teutônia a medida em que tantos acidentes acontecem", enalteceu Marques.
Um levamento dos Bombeiros Voluntários mostrou que de outubro de 2016 a agosto de 2017, 278 acidentes foram atendidos pela corporação. Os meses com maior fiscalização, através do uso de radares móveis na RS-128, foram os períodos com menos registros de acidentes. "A população reclama, mas a fiscalização é importante", atestou o presidente dos bombeiros.
Entre as alternativas destacadas na noite e que possam colaborar para a diminuição do número de acidentes na cidade, está a construção de rótulas fechadas em dois trevos na RS-128. A medida já havia sido anunciada em setembro, após encontro com o secretário estadual dos Transportes. As obras da primeira rótula, no trevo de Canabarro, devem iniciar em breve.

Data de publicação: 05/10/2017

Compartilhe!